segunda-feira, 29 de março de 2010

Candidatos a eleição 2010: escolha o seu

O ano eleitoral está aí e, como boa cidadã brasileira, decidi anular o meu voto este ano. Não quero fazer parte desta bagunça eleitoral. Aceita-se qualquer candidato sem estudo ou letramento, e a maioria dos brasileiros, infelizmente, vota nestes futuros políticos por eles serem muito carismáticos demais. Veja a proposta política de alguns candidatos e morram de rir (ou de chorar):

"Tenho amigos na política. Meu cunhado, por exemplo, tem experiência. É o João. João de quê? João Batista, casado com a minha irmã, Kelly de Paula. Ele apoiou alguns partidos e agora me acompanha em alguns negócios. Meu projeto é um pouco focado na saúde, na educação. São vários fatores, né?"
Kleber "Bambam", ex-BBB e pré-candidato a deputado estadual pelo PTB-SP

"Como tenho seios grandes, sei da importância dos exames preventivos de câncer de mama. Quero levar mamografia móvel às comunidades. Os projetos são esses, mais ou menos."
Renata Frisson, a Mulher-Melão, pré-candidata à deputada estadual pelo PHS-RJ

"Tenho um projeto de intervenção em cemitérios. Como frequenot bastante esses locais, sei que há coisas erradas ali, como comércio de corpos para estudantes de medicina, presença de praticantes de magia negra, mendigos e prática de sexo."
Ronaldo Esper, estilista e pré-candidato a deputado federal pelo PTC-SP. Em 2007, Esper foi detido ao tentar furtar vasos do cemitério do Araça, em São Paulo. Respondeu ao processo e foi absolvido.


"Tenho projeto, mas só falo depois de tudo acontecer. Primeiro, quero conquistar a confiança das pessoas. Sei que eu sou uma referência comportamental e educacional do menino pobre que chegou ao eu objetivo e nunca parou de estudar."
Marcelinho Carioca, ex-jogador de futebol e pré-candidato a deputado federal pelo PSB-SP, se formou em Educação Física no Rio, por uma escola técnica.

"Ainda não tenho nada elaborado, mas é fácil: com uma bola de 30 reais, você coloca 20 crianças correndo e gerando saúde, em vez de deixá-las no crime."
Popó, ex-boxeador e pré-candidato a deputado federal pelo PRB-BA


"Não me pergunte se eu vou fazer alguma coisa: não tenho projeto nenhum. As cabeças pensantes vão me ajudar. Quem são elas? Os meus amigos que vão compor a minha equipe."
Vampeta, ex-jogador do Corínthians e pré-candidato a deputado federal pelo PTB-SP

Fonte: Veja online

Um comentário:

Wésley Câmara disse...

Fico muito triste quando vejo essas coisas. A politica perdeu o foco. As pessoas conseguem certa fama e usam-na para conseguir votos de seus fãs para garantirem um salário fixo. Não tem preparo, nem espírito político. Isso é uma das causas da corrupção e da incompetência das Câmaras e Assembléias, infelizmente!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...